Pesca Gerais

Tubarão Lixa Ginglymostoma cirratum, conhecido como Tubarão enfermeiro

Tubarão Lixa é uma espécie tranquila e vive em cardumes para se reproduzir e alimentar

O Tubarão Lixa é um animal tranquilo, mas que pode se tornar agressivo caso seja pisoteado acidentalmente ou incomodado.

Esta espécie também apresenta uma carne comestível, mas o seu valor principal seria a pele que é usada para fazer um tipo de couro muito resistente.

Dessa forma, prossiga a leitura e saiba mais detalhes, incluindo alimentação, reprodução, curiosidades e distribuição.

Classificação:

  • Nome científico – Ginglymostoma cirratum;
  • Família – Ginglymostomatidae.

Características do Tubarão Lixa

O Tubarão Lixa também atende pelos nomes vulgares Tubarão-enfermeiro ou lambaru, além de ser um membro da ordem Orectolobiformes.

Assim, o principal nome vulgar é uma referência ao costume do animal de nadar perto do chão como se fosse uma lixa.

Os dentes do peixe são pequenos, mas poderosos, além de serem pontiagudos.

As dobras branquiais ficam à frente da origem das barbatanas peitorais e o bicho tem um focinho longo.

Já as nadadeiras têm pontas arredondadas, ao mesmo tempo em que a segunda nadadeira dorsal é menor que a primeira.

Os flancos e a superfície dorsal tem uma cor amarelo-creme, assim como algumas manchas marrons e vermelhas que ficam sobre o corpo.

De outro modo, a superfície ventral tem um tom claro, tal como os indivíduos podem alcançar 4 m de comprimento total e 500 kg de peso.

Por fim, os peixes vivem 25 anos.

Tipos de Tubarão Lixa

Há dois tipos de Tubarão Lixa, o pequeno e o grande.

Os indivíduos pequenos são duas vezes menores em comprimento e peso, além de apresentarem manchas vermelhas.

De outro modo, os peixes grandes contam com manchas na cor cinza e na forma de meia lua.

Portanto, apesar de parecer ser de outra espécie, os indivíduos podem ser pequenos ou grandes.

Reprodução do Tubarão Lixa

Em primeiro lugar, saiba que a espécie é Ovovivípara e apresenta adelfofagia.

Ou seja, os filhotes se desenvolvem em um ovo que fica dentro do corpo da mãe e logo após a eclosão, eles podem recorrer ao canibalismo uterino para se nutrir.

Assim, a fêmea gera dois filhotes por gravidez e no nascimento, somente um Tubarão Lixa prevalece com cerca de 1 m.

O período de gestação dura de 8 a 10 meses e os peixes atingem a maturidade sexual entre os 15 e 20 anos de idade.

Com relação ao dimorfismo sexual, a única característica que diferencia machos e fêmeas é o tamanho.

Enquanto que os machos maduros medem entre 2,2 e 2,57 m, elas alcançam somente de 1,2 a 2 m.

Alimentação

O Tubarão Lixa está presente no fundo do oceano e come as lulas, polvos, camarões, caranguejos, lagostas e outros animais.

Uma característica corporal interessante seria a barbicha que ajuda o animal a caça durante a noite.

Além disso, os seus órgãos sensitivos lhe auxiliam na caça porque ele consegue perceber certos odores a distâncias de quase 0,5 km.

Outro ponto importante seria o de sua audição.

Quando o animal está em águas límpidas e claras, ele consegue identificar presas que estejam em movimento a 15 m de distância.

Já nas águas profundas, os indivíduos usam a visão para caçar.

Dessa forma, saiba que esta espécie percebe frequências de luz imperceptíveis ao olho humano.

Também é comum que os peixes formem grupos para rodear os cardumes e se alimentar.

Para atacar, eles também podem nadar em ziguezague por baixo dos cardumes de arenques, fazendo com que as vítimas subam até a superfície.

Por fim, eles buscam por alimento em uma profundidade que varia de 40 a 400 m.

Curiosidades

O Tubarão Lixa tem um modo de vida sedentário porque ele fica imóvel durante longos períodos, em especial durante o dia.

Assim os locais preferidos são as águas rasas ou fundos arenosos e eles ficam empilhados um em cima do outro.

Com isso, é possível que os tubarões formem pilhas com até 30 membros da espécie.

Quando consideramos o seu comportamento durante a noite, é possível notar grande atividade e voracidade.

Aliás, a espécie é mais densa que a água, porém consegue reter o ar no estômago, algo que faz com que o peixe regule a flutuação.

Por fim, o tubarão retira o oxigênio da água pelas brânquias.

Assim, no momento em que o animal nada, ele força a entrada da água pela boca e pelas brânquias, diferentemente das demais espécies de peixe.

Mas, saiba que a espécie não tem cobertura branquial, uma placa óssea que protege as brânquias.

Em contrapartida, o bicho apresenta de cinco a sete fendas na pele, de cada lado da cabeça, por isso, a água sai pelas fendas depois que as brânquias extraem o oxigênio.

Onde encontrar o Tubarão Lixa

O Tubarão Lixa pode ficar em águas rasas ou no fundo do oceano.

A profundidade mais comum para a espécie seria de 60 m, bem como ela prefere as águas calmas e mornas.

Alguns peixes também ficam em piscinas naturais e os jovens ficam entre as raízes dos manguezais vermelhos.

Eles também podem nadar em cardumes para que venham ter facilidade na reprodução e alimentação.

Por fim, o bicho tem por principal característica a migração, por isso, ele se desloca para maiores latitudes no verão e em direção equatorial no inverno e outono.

Gostou das informações sobre o Tubarão Lixa? Deixe seu comentário logo abaixo, ela é importante para nós!

Veja também: Tubarão Serra: Espécie estranha também conhecida como Peixe

Acesse nossa Loja Virtual e confira as promoções!

Posts Relacionados

Deixe um Comentário