Pesca Gerais

Tubarão Baleia: Curiosidades, características, tudo sobre essa espécie

O Tubarão Baleia representa uma das principais espécies que têm a capacidade de se alimentar por filtração.

Além disso, este seria o único membro da família Rhincodontidae e do gênero Rhincodon.

Outras características interessantes são as seguintes:

Este animal seria o maior vertebrado não mamífero existente e também alcança uma expectativa de vida de 70 anos.

Portanto, prossiga a leitura e saiba mais informações sobre a espécie.

Classificação:

  • Nome científico – Rhincodon typus;
  • Família – Rhincodontidae.

Características do Tubarão Baleia

O Peixe Tubarão Baleia foi listado no ano de 1828, logo após a captura de um exemplar com 4,6 m.

A captura ocorreu na África do Sul e o seu nome vulgar de “tubarão baleia” se refere ao tamanho.

De modo geral, esta espécie alcança um comprimento tão grande quanto algumas espécies de baleia.

O nome vulgar também foi concedido graças a sua forma diferenciada de se alimentar, algo que seria similar às baleias da ordem Mysticeti.

Nesse sentido, saiba que a espécie tem uma boca com a largura de 1,5 m, além de 300 a 350 fileiras de dentes minúsculos.

Dentro da boca há almofadas de filtração que os peixes usam para se alimentar.

Vale citar que os indivíduos têm cinco grandes pares de brânquias, assim como a cabeça seria plana e larga.

Já os olhos do bicho são pequenos e ele conta com uma cor cinza no corpo, enquanto que o ventre seria branco.

Há manchas e listras da cor branca ou amarelada em todo o corpo e o padrão seria único para cada indivíduo.

Aliás, tem 3 protuberâncias proeminentes na lateral do corpo, como também a sua pele tem até 10 cm de espessura.

Por fim, o maior exemplar foi capturado com 12,65 m e um peso de 21,5 toneladas.

O Tubarão Baleia tem por uma das principais características a sua capacidade de migrar longas distâncias

Reprodução do Tubarão Baleia

Ainda há poucas informações acerca da reprodução do Peixe Tubarão Baleia, mas com a captura de uma fêmea grávida de 300 filhotes, foi possível conferir o seguinte:

É comum que os ovos fiquem dentro do corpo da fêmea e elas dão a luz a filhotes com cerca de 60 cm de comprimento.

Nesse sentido, muitos estudos indicam que os filhotes não nascem todos de uma vez.

Isso significa que a fêmea tem a capacidade de reter esperma de um acasalamento e produzir um fluxo constante de filhotes durante um longo período.

À vista disso, saiba que os peixes alcançam a maturidade sexual com 30 anos de idade e vivem de 70 a 100 anos.

Alimentação

O Peixe Tubarão Baleia é um filtrador e somente esta e mais duas espécies de tubarão possuem a capacidade.

As outras espécies seriam o tubarão elefante e o tubarão boca grande.

Portanto, a alimentação por meio da filtração seria quando o animal abre a boca e nada para frente.

Com isso, ele empurra tanto a água quanto a comida, para dentro da boca e consegue expulsar a água através das brânquias.

Isto é, o peixe consegue separar o alimento da água.

Dessa forma, os indivíduos comem plâncton, incluindo copépodes, krill, larvas de caranguejos, lulas, peixes e ovos de peixes.

Os tubarões também são grandes predadores de ovos.

Por isso, os indivíduos simplesmente aproveitam para comer as nuvens de ovos que são produzidos na desova de outras espécies.

Curiosidades

Dentre as curiosidades sobre o Peixe Tubarão Baleia, cabe citar o seu costume de migração.

De acordo com um estudo que analisou a migração de um tubarão baleia no ano de 2018, o indivíduo conseguiu viajar mais de 19.000 km.

Basicamente esta migração em específico ocorreu do Oceano Pacífico até o Indo-Pacífico.

Isto é, o animal fez migração do Panamá para uma área próxima às Filipinas.

E diversos outros indivíduos da espécie já foram observados e de fato conseguiram alcançar distâncias impressionantes.

Com isso, é possível afirmar que as agregações sazonais da espécie ocorrem todos os anos, em especial entre os meses de maio e setembro.

Outra curiosidade interessante sobre o tubarão baleia seria a sua interação com os seres humanos.

Embora tenha um tamanho grande, a espécie não apresenta nenhum tipo de perigo ao ser humano.

De modo geral, os peixes são dóceis e chegam a permitir que o nadador toque ou nade ao seu lado.

Houve até casos de tubarões que brincaram com mergulhadores, algo que nos comprova que o animal não nos oferece risco.

Mas, certamente devemos ter muito cuidado.

Onde encontrar o Tubarão Baleia

O Peixe Tubarão Baleia está presente em águas abertas oceânicas tropicais, ou seja, os mares tropicais e temperados.

Por isso, nada em mar aberto e prefere os locais com profundidade de até 1.800 m.

Algumas regiões em que a espécie está presente podem ser sul e leste da África do Sul e Ilha de Santa Helena.

Austrália Ocidental, Índia, Filipinas, México, Maldivas, Indonésia, Golfo de Tadjoura no Djibuti e mar da Arábia também são alguns locais comuns para ver o tubarão.

Porém, saiba que a distribuição pode ocorrer em vários locais do mundo, o que torna impossível citarmos todos.

Informações sobre o Tubarão-baleia no Wikipédia

Gostou das informações? Deixe seu comentário logo abaixo, ele é importante para nós!

Veja também: Peixe-boi: Conheça todas informações sobre essa espécie

Acesse nossa Loja Virtual e confira as promoções!

Posts Relacionados

Deixe um Comentário