Pesca Gerais

Dicas e informações para ter sucesso na pescaria de Robalo

O Robalo é um peixe difícil de pescar, essa pescaria poder ser um tanto imprevisível e cheias de manhas, mas com essas dicas de como pescar robalo, o sucesso é garantido.

É importante lembrar que o Robalo é um peixe de água salgada e é encontrado principalmente em locais de mangues. Para ter sucesso nessa pescaria é preciso ter muita técnica e se atentar a questões como o movimento das marés, etc.

Muitos pescadores esportivos se interessam pela pescaria de Robalo, porque esse peixe pode ter um peso superior a 20 quilos e com tamanhos entre 40 cm e 50 cm. Além disso, pescar um peixe como esse é quase conquistar um troféu, devido ao grau de dificuldade.

Primeiramente é importante conhecer um pouco mais sobre o Robalo. Basicamente ele é um peixe da família do Centropomidae. Existem ao todo, doze variedades dessa espécie e muitas delas podem ser encontradas no litoral brasileiro.

As características principais do robalo é seu corpo alongado e esguio. As espécies mais comuns são o robalo-peva e robalo-flecha. Entretanto, ele se diferencia de outros peixes devido ao número de escamas na linha lateral do corpo e da quantidade de espinhos na nadadeira anal.

Outro ponto principal é que o Robalo é um predador, então suas iscas precisam ser chamativas, precisam ter movimentos e principalmente parecer apetitosas e irresistíveis.

Dessa forma, para aumentar suas chances de pescar o Robalo vamos te dar algumas dicas que irão te ajudar a ter mais sucesso na sua pescaria.

Descubra todos os mistérios que envolvem a dificil missão de pescar o robalo, esse imprevisivel e grandioso peixe de água salgada.

Onde e quando pescar robalo?

Como falamos anteriormente o Robalo é um peixe de água salgada e seu local preferido para ficar são os mangues. Mas ele também pode ser encontrado em estuários, águas costeiras e partes altas de rios salobres.  O Robalo tem costume de subir os rios na época do inverno para poder desovar.

Ele é um peixe que pode ser encontrado dos Estados Unidos até o Sul do Brasil e tem o costume de nadar em cardumes. O nordeste brasileiro é o local que possui os maiores exemplares de Robalos. Os melhores locais para encontrar esse predador é em locais com estruturas, como galhos, pedras, canais e parcéis.

Outra questão a ser observada sobre como pescar o Robalo é questão da maré. As melhores marés, são as que estão correndo, seja na enchente ou na vazante. Nessas condições o fundo do mar possui movimentos mais intensos e a caça se torna mais propicia.

As marés geralmente são influenciadas pelas fases da lua, assim as melhores luas para a pesca do robalo são as luas minguante e crescente. Em questão de horário o período da manhã tem a melhor movimentação das marés.

Fuja de águas geladas, escuras ou claras demais, nessas condições o sucesso da pescaria do Robalo será reduzido. Não se esqueça do fator pressão, o ideal é que a pressão não sofra grandes variações, assim as chances serão maiores.

A temperatura da água também influencia na pescaria desse predador. Em temperaturas acima de 21º graus o Robalo fica mais perto da superfície. Em torno de 15º graus ele fica em meia água e fundo. Abaixo disso, a água não está propícia para a pesca.

Descubra todos os mistérios que envolvem a dificil missão de pescar o robalo, esse imprevisivel e grandioso peixe de água salgada.

Dicas de como pescar o robalo

Agora vamos começar a dar dicas de equipamento e técnicas de como pescar o Robalo. É importante lembrar que muitos fatores podem influenciar a pescaria. Verifique sempre todas as condições que falamos anteriormente, antes de planejar sua pescaria, elas são extremamente importantes para o sucesso da mesma.

As melhores iscas para a pesca de robalo

O Robalo é um peixe que pode ser fisgado tanto com iscas naturais como iscas artificiais. Sendo assim, as melhores iscas naturais para a pesca de Robalo são, o camarão vivo, lambari, manjuba, piaba, corrupto vivo, barrigudinho e mamarreis.

Dentre essas iscas, a que mais tem garantia de sucesso é o camarão, já que esse é um dos principais alimentos da espécie. A segunda melhor opção entre as iscas naturais para pesca de robalo é o lambari.

Técnicas de como pescar robalo com camarão vivo?

Para a pesca com iscar natural, principalmente com camarão vivo é preciso ter precisão no momento de preparar a isca. Nesse caso é recomendado fazer um chicote.

Na parte de cima do chicote coloque um destorcedor, essa parte é ligada a linha que virá do molinete ou carretilha. Faça um nó para amarrar o destorcedor, abaixo do corte você deve colocar a boia e regular dependendo da profundidade da pesca do robalo.

Depois, mais abaixo é colocado a chumbadinha, o tamanho pode ser entre 10 a 15 gramas, para ajudar no arremesso do seu chicote. Dê um nó em cada extremidade para ela não correr.

Finalizando o chicote, adiciona um anzol próprio para robalo, ele precisa ter uma boca torta, para facilitar na fisgada do peixe.

Como iscar o camarão no anzol. Para ter mais sucesso, você deve iscar o camarão ainda vivo. Coloque a cabeça do camarão na ponta do anzol, passando até o meio e deixa a parte inferior do camarão solto do anzol. Assim quando jogado na água ele irá nadar e aumentar as suas chances na pescaria do Robalo.

Além disso, você ainda pode utilizar um anzol auxiliar, esse suporte hook, assim você tem mais um anzol para ajudar a fisgar.  Agora vamos falar sobre as iscas artificiais para a pesca de robalo.

Descubra todos os mistérios que envolvem a dificil missão de pescar o robalo, esse imprevisivel e grandioso peixe de água salgada.
Pescador Walter Siepierski com um lindo Robalo

Pescaria de robalo com iscas artificiais

Aqui a conversa começa a ficar mais técnica e interessante. Com as iscas artificiais é possível ter um controle maior na pescaria. O robalo é um peixe bem complicado para se pescar, já que muitos fatores influenciam sua pesca.

Por isso, é indicado que você leve diversos tipos de iscar artificiais na sua pescaria. Assim, você pode testar e adaptar a melhor isca para cada tipo de condição. Como é possível pescar o robalo em superfície, meia água e fundo, a diversidade de iscas é grande.

Entre elas podemos citar a zara, popper, stick, jig, crank bait, twicht baits, plugs de fundo com flutuação rápida. Não se esqueça que a escolha de cores das iscas dependerá da cor da água. Quando a água estiver clara, prefira iscas de cores suaves, águas turvas prefira tons de iscas mais fortes.

Outra isca artificial para Robalo que tem grandes chances de sucesso é o uso da isca de camarão artificial. Em relação a tamanho e a cor do camarão, também dependerá da coloração da água, o segredo é testar e ver o que dá mais certo em cada situação.

Então, o uso de plugs pode ser uma boa opção em meia água, o tamanho pode ser de médio a pequeno. Em locais com uma profundidade menor prefira jig-head menor. Para a espécie de Robalo Pevas prefira modelos menores de iscas a de 5 a 7 cm. O Robalo Fecha prefira tamanhos maiores entre 7 a 12 cm.

Qual é a melhor forma de trabalhar a isca para a pescaria de robalo?

A melhor forma de trabalho dependerá da isca e da profundidade da pesca. Quando usar camarão artificial, os shads e outros modelos de iscas para o fundo. O melhor é dar toques para cima, mantendo sempre a linha esticada, deixe que a isca toque o fundo e depois recolha o excesso de linha.

Preste atenção no momento em que a isca está caindo, é nesse exato momento em que o Robalo costuma atacar. No caso de isca de meia água, mantenha a vara apontada para baixo e recolha a linha de baixa para média velocidade. É muito importante dar alguns toques de ponta de vara, para extrair o melhor nado da isca.

Lembrando que você deve evitar ao máximo que o Robalo salte. Essa espécie tem esse costume principalmente quando está próximo à superfície. Para evitar isso, não deixe folga na linha, faça força contra o salto do peixe, aponte a vara em direção a água para evitar os saltos.

O uso de Jig Head para pescaria de robalo

Aliás, uma dica que pode ajudar a melhorar suas chances de pescar o Robalo é o uso do Jig Head. O uso do Jig Head dispensa a chumbada e melhora a descida da isca para o fundo. Já a questão do peso, dependerá da profundidade do local da pesca.

Quando a maré está baixa, a profundidade deve ficar em torno de 6 metros, nesse caso use um Jig Head de 6 gramas. Assim, a isca chegará até o fundo mais facilmente. Caso a isca demore a tocar ao fundo, troque por um Jig Head de 8 ou 10 gramas.

Marés maiores entre 7 e 10 metros, use Jig Head com 10 gramas. Quanto maior a profundidade da maré maior será o peso do Jig Head.

Escolhendo os equipamentos para a pescaria de robalo

Quando falamos em equipamentos, estamos abrangendo vara, linha, líder, carretilha e molinete. Então vamos falar um pouquinho sobre cada item.

As melhores varas

A melhor vara é aquela que tem ação rápida ou média. Em relação ao comprimento de 6 a 7 pés é o ideal. A questão das libras dependerá local e do porte médio dos peixes, mas deve estar em torno de 17 a 20 libras

Qual é a melhor linha?

O quesito linha pode variar um pouco de acordo com o tamanho médio do robalo, o robalo peva raramente passa de 4 quilos. Por isso, linhas com libragem entre 10 e 17 são o suficiente. Já nas regiões costeiras que os peixes são maiores, prefira linhas com libragem entre 35 a 40.

Escolha linha de multifilamento, elas costumam ter ação rápida e isso melhora as chances de fisgar o robalo. Além disso, elas aumentam a sensibilidade no momento da pesca, as ideais são as de espessura de 0,17 a 0,25 mm.

Molinete e carretilha

O ideal é escolher molinetes que comportem acima de 100 metros de linha. Se for utilizar a carretilha prefira as de perfil baixo. As carretilhas também são mais indicadas para pescaria em mangues e com o uso de plugs de superfície ou meia água. Elas melhoram a precisão dos arremessos e a taxa de recolhimento, melhorando o trabalho com a isca.

Entretanto, se a pesca for com shads ou camarão, ambos são interessantes, mas é importante que eles não sejam grandes. Não use molinetes acima de 2500.

Não se esqueça de usar o líder

Aumente o sucesso da pescaria com o uso do líder! Ela aumenta a capacidade de abrasão, quando ela esbarrar em elementos encontrados em mangues e na costa, evitando assim o rompimento da sua linha. Para o robalo pevas o líder de ter entre 0,35 a 0,50 mm, já para o robalo flecha, deve ser o modelo de 0,60 a 0,75 mm de preferência o de fluorcarbono.

Uso de Snap

O uso de snap pode ajudar no momento da troca da isca. Principalmente quando você ainda está experimentando ou testando a isca ideal para o momento. Assim, você consegue fazer uma troca rápida das iscas.

Por fim, se atente a questões da lei da pesca, evite a pesca em meses de reprodução. Em alguns estados ainda a restrição em relação à pesca de acordo com o tamanho do peixe. Leve sempre o máximo de itens para a pesca. Já que você terá que testar e se adaptar a cada situação.

Para se preparar de maneira eficiente, acesse a loja Pesca Gerais, lá você encontrará tudo o que você precisa para se preparar para a pesca do Robalo.

Gostou das dicas? Deixe seu comentário logo abaixo, ele é muito importante para nós!

Posts Relacionados

2 comentários

junior 28 de setembro de 2020 at 18:47

Pescaria de robalo é muito show, Parabéns!

Resposta
Otávio Vieira 5 de outubro de 2020 at 11:47

Falou tudo Junior, realmente é uma pescaria show! Obrigado pelo incentivo!

Resposta

Deixe um Comentário