Pesca Gerais

Peixe Salmão: Principais espécies, onde encontrar, suas características

O nome vulgar Peixe Salmão está relacionado às espécies da família Salmonidae e também às trutas.

Dessa forma, os indivíduos são importantes na aquicultura, em especial as espécies Salmo salar e Oncorhynchus mykiss .

Portanto, nos acompanhe ao decorrer do conteúdo para entender mais sobre as características, alimentação e distribuição destes animais.

Classificação:

  • Nome científico – Salmo salar, Oncorhynchus nerka, Oncorhynchus mykiss e Oncorhynchus masou.
  • Família – Salmonidae.

Principais espécies de Peixe Salmão

Em primeiro lugar, deixe-nos falar sobre o Salmo salar que seria o maior salmão, tendo em vista que pode alcançar 1 m de comprimento total.

Basicamente, os peixes que ficam dois anos no mar têm em média 71 a 76 cm e de 3,6 a 5,4 kg de peso, mas caso eles se mantenham neste local, o tamanho pode ser maior.

Por exemplo, foi registrado um exemplar em 1925 na Noruega, que media 160,65 cm.

Cabe citar também que exemplares raros podem alcançar um peso surpreendente, como o Peixe Salmão capturado em 1960 na Escócia com 49,44 kg.

Portanto, este animal também atende pelo nome vulgar salmão do Atlântico.

Outro exemplo de espécie seria o Oncorhynchus nerka que também atende por salmão-vermelho, salmão kokanee, salmão blueback ou salmão do Pacífico.

Portanto, o motivo pelo qual a espécie atende por “salmão-vermelho” seria por conta da cor durante a desova.

Com isso, o corpo fica vermelho e a cabeça em um tom esverdeado.

O comprimento total é de até 84 cm e o comprimento varia entre 2,3 e 7 kg.

Um ponto diferencial seria que os jovens habitam a água doce até que consigam se desenvolver e migrar para o oceano.

peixe salmão capturado pelo pescador

Demais espécies

Também é interessante falar sobre o Oncorhynchus mykiss que seria uma das principais espécies para o uso na aquicultura.

Isso ocorre porque o animal foi introduzido em pelo menos 45 países, servindo principalmente para o consumo em países ocidentais.

Esta seria uma espécie de truta reconhecida pelo nome vulgar “truta arco-íris” e que habita as águas doces.

Aliás, o animal é muito importante para a pesca esportiva, tendo em vista que é combatente e astuto, em especial para os praticantes da pesca com mosca.

Quanto à coloração, os indivíduos possuem o corpo na cor castanha ou amarela e há pintas negras no dorso, tal como nas barbatanas caudal e dorsal. Existe também uma faixa rosada que se prolonga das guelras à barbatana caudal.

Por outro lado, o comprimento total do Peixe Salmão varia entre 30 e 45 cm.

E dentre os pontos diferenciais, entenda que a espécie é resistente por tolerar diversos tipos de ambientes.

Por exemplo, o bicho tem a capacidade de se desenvolver tanto em água doce, quanto em água salgada.

A temperatura ideal da água seria inferior a 21°C e os indivíduos conseguem viver até 4 anos de idade.

Por fim, conheça o Oncorhynchus masou que tem por nomes vulgares salmão masu ou salmão híbrido cereja.

De modo geral, a espécie habita regiões que tenham a profundidade entre 1 e 200 m, bem como se desenvolvem no mar.

Como diferencial, é comum que o peixe suba os rios até suas cabeceiras para realizar a reprodução logo após o crescimento.

Além disso, esta espécie tem o costume de nadar em cardumes quando precisam migrar do oceano ao estuário.

Características do Peixe Salmão

Agora podemos mencionar as características de todas as espécies.

Em primeiro lugar, o Peixe Salmão tem a cor vermelha por conta de um pigmento chamado astaxantina.

Assim, o animal na verdade tem uma coloração branca e o pigmento vermelho vem das algas e dos organismos unicelulares, que servem de alimento para os camarões do mar.

Com isso, o pigmento está no músculo ou casca do camarão e quando o salmão se alimenta deste animal, o pigmento fica acumulado nos tecidos adiposos.

E por conta da diversidade na alimentação do salmão, podemos notar tons diferentes como o rosa claro ou vermelho vivo.

Reprodução do Peixe Salmão

Geralmente a reprodução do Peixe Salmão ocorre em água doce.

Isto é, os peixes migram do oceano até o mesmo rio em que nasceram e é comum que a cabeça do macho assuma uma forma diferente nesta época.

Dessa forma, a mandíbula inferior se torna mais curvada e alongada, formando uma espécie de gancho.

Neste período, também é possível notar que os salmões voltam a sua cor natural, ficando mais esbranquiçados.

Por fim, os peixes do Oceano Pacífico morrem logo depois da reprodução, ao mesmo tempo em que os indivíduos do Atlântico se reproduzem mais de uma vez.

Alimentação

O Peixe Salmão tem um comportamento territorial e costuma devorar rãs, pequenos mamíferos, répteis e aves.

Também se alimenta de outros peixes, plâncton e insetos.

Curiosidades

Como curiosidade, entenda que grande parte dos salmões que habitam o Atlântico e são vendidos no mercado mundial, é produzida em cativeiro. Por isso, este número reflete quase 99%.

Por outro lado, a maioria do Salmão do Pacífico é pescada em estado selvagem, refletindo mais de 80%.

Onde encontrar o Peixe Salmão

A princípio, saiba que a distribuição do Peixe Salmão varia de acordo com a espécie analisada.

Portanto, o S. salar normalmente é criado em rios da costa nordeste da América do Norte ou da Europa.

E quando falamos especificamente da Europa, cabe mencionar países como Espanha e Rússia.

Assim, a espécie é muito sensível à temperatura da água e prefere habitar locais com água fria.

Já o O. nerka está presente em países como Colômbia, Japão, Canadá e Estados Unidos.

O. mykiss é original dos rios da América do Norte que drenam para o Oceano Pacífico.

Por fim, entenda que o O. masou está no norte do Oceano Pacífico ao longo do leste da Ásia. Dessa forma, podemos incluir as regiões da Coréia, Taiwan e Japão.

Dicas para pesca do Peixe Salmão

Como dica, entenda que o Peixe Salmão não ataca as iscas para comer.

Acredita-se que o animal evite se alimentar no momento em que entram no rio para realizar a desova, fazendo com que seja necessário capturá-lo através da provocação.

Por exemplo, você pode colocar as iscas no local em que o peixe está passando ou descansando.

Informações sobre o Peixe-salmão no Wikipédia

Gostou das informações? Deixe seu comentário logo abaixo, ele é importante para nós!

Veja também: Peixe Atum: Conheça todas informações sobre a espécie

Acesse nossa Loja Virtual e confira as promoções!

Posts Relacionados

Deixe um Comentário