Pesca Gerais

Peixe Bonito: Conheça todas informações sobre essa espécie

O Peixe Bonito é um animal presente em quase todo o mundo que apresenta grande valor no comércio

Peixe Bonito é um animal muito relevante para a pescaria comercial e pode ser capturado com a técnica de trolling, geralmente usada na pesca do Atum.

Contudo, por ser oleoso, o peixe não é famoso no consumo em fresco, somente para na indústria conserveira.

E além de “Bonito”, peixe-serra, sarrajão e sarda, são alguns de seus nomes vulgares.

Sendo assim, prossiga a leitura e saiba ainda mais características sobre esta espécie, incluindo as principais dicas de pesca.

Iremos citar também algumas características que diferenciam as espécies de Bonito.

Classificação:

  • Nome científico – Sarda sarda, Euthynnus alletteratus e Katsuwonus pelamis;
  • Família – Scombridae.

Espécies de Peixe Bonito

Há algumas espécies que atendem pelo nome Bonito, sendo a mais famosa o Bonito Listrado (Sarda sarda).

Esta espécie também pode ter por nome vulgar Gaiado ou Barriga Listrada e é a principal de todas, por representar o maior valor comercial.

Isso ocorre porque os indivíduos adultos alcançam cerca de 1 m de comprimento total e quase 15 kg de peso, além de a carne ser muito saborosa para a culinária.

O Bonito Listrado tem um dos nomes científicos mais simples de todos os peixes porque “sarda” vem de suas manchas nas laterais e dorso.

Também há o Peixe Bonito Cachorro que é uma espécie usada como isca natural.

O peso máximo seria de 2 kg e é uma espécie confundida frequentemente com o atum-patudo.

Porém há poucas informações porque até o nome científico é desconhecido.

A terceira espécie seria o Bonito Pintado (Euthynnus alletteratus) que tem este nome vulgar por conta das três pintas pretas que ficam na nadadeira lateral e descem para as nadadeiras peitorais.

Dessa forma, a espécie pode alcançar os 10 kg de peso, além de exibir uma cor azulada em seu dorso.

Por fim, devemos falar sobre o Bonito Serra (Katsuwonus pelamis) que tem como diferencial as suas listras no dorso.

Sendo assim, a espécie tem grande importância na culinária japonesa e também se assemelha as cavalas por conta dos seus dentes.

A espécie alcança mais de 5 kg.

Características do peixe Bonito

O animal tem um corpo coberto por escamas pequenas, tal como as escamas da área lateral e peitoral são maiores do que no resto do corpo.

Os indivíduos da espécie não têm uma bexiga de natação.

Há também algumas listras dorsais, baço grande, assim como um fígado com lobo direito e esquerdo alongados. Já o lobo médio é curto.

E uma característica muito interessante seria o seu “parentesco” com os atuns, por serem da mesma família.

Por isso, é comum que haja a confusão entre o Bonito e o peixe Atum.

Algumas características que diferem ambos os animais seriam a morfologia corporal mais fina do Atum.

Outros diferenciais seriam que os atuns não têm dentes, além de apresentarem uma cor que varia a cada espécie.

Já a grande capacidade natatória do Bonito, impressiona a muitos pesquisadores, pois o peixe consegue se movimentar rapidamente e saltar acima da superfície da água.

Por fim, o animal tem a capacidade de se adaptar em diferentes salinidades (de 14 a 39) e temperaturas (12 ° a 27 ° C).

Reprodução do peixe Bonito

Basicamente o Peixe Bonito se reproduz no começo do mês de junho até setembro.

Assim, quando os indivíduos alcançam 15 cm de comprimento, eles estão maduros sexualmente.

Com isso, eles formam grandes cardumes em alto mar e migram durante o verão. A desova ocorre somente quando os cardumes ficam próximos da costa.

Alimentação

O Peixe Bonito é famoso por ser um predador que come até mesmo os indivíduos das famílias Atherinidae, Clupeidae e Scombridae.

Também pode se alimentar de Alosa pseudoharengus ou as demais espécies de cefalópodes e peixes.

Portanto, o Bonito prefere capturar os pequenos cardumes de invertebrados como os camarões e lulas.

Apresenta também uma capacidade de engolir as presas maiores.

Onde encontrar

Na perspectiva mundial, o Peixe Bonito está no Atlântico Leste desde Oslo, na Noruega, até Port Elizabeth, uma cidade da África do Sul.

No Atlântico Ocidental, o animal habita os países como EUA, México, Canadá, Argentina, Colômbia, Venezuela e Brasil.

Por outro lado, quando falamos especificamente sobre o nosso país, o Bonito habita as regiões do Norte, Nordeste, Sudeste e Sul.

Portanto, está desde o Amapá até o Rio Grande do Sul.

Além disso, saiba que quando o animal fica próximo da superfície, ele costuma ficar muito agitado e pode ser visto com grande facilidade.

Dicas para pesca do peixe Bonito

Para a pesca do Peixe Bonito, use os equipamentos de ação média, assim como as linhas de 0,35 a 0,45 lb.

É indicado o uso de anzóis de número 1/0 até 5/0.

Já as iscas podem ser modelos artificiais ou naturais.

Por esse motivo, alguns exemplos são as iscas artificiais de superfície ou meia água e as iscas naturais como os peixes vivos ou mortos.

Informações sobre o Peixe-bonito no Wikipédia

Gostou das informações? Deixe seu comentário logo abaixo, ele é importante para nós!

Veja também: Peixe de água salgada e tipos de peixes do mar, quais são?

Acesse nossa Loja Virtual e confira as promoções!

Posts Relacionados

Deixe um Comentário