Pesca Gerais

Peixe Atum: Conheça todas informações sobre a espécie

Peixe Atum é um nome vulgar que pode representar 8 espécies do gênero Thunnus e mais duas espécies da família Scombridae, que seriam animais importantes na pesca.

Por exemplo, no ano de 2002 foram pescados mais de seis milhões de toneladas de atuns em todo o mundo.

Nesse sentido, prossiga a leitura e conheça detalhes de todas as espécies, características similares, reprodução, alimentação e curiosidades.

Também será possível conferir as principais dicas de pesca.

Classificação:

  • Nomes científicos – Thunnus alalunga, T. maccoyii, T. obesus, T. orientalis, T. thynnus, T. albacares, T. atlanticus, T. tonggol, Katsuwonus pelamis e Cybiosarda elegans.
  • Família – Scombridae.

Espécies de Peixe Atum

A princípio, saiba que o gênero Thunnus é dividido em dois subgêneros.

Subgênero Thunnus (Thunnus)

O primeiro Subgênero abriga 5 espécies, entenda:

A primeira seria a Thunnus alalunga, classificada no ano de 1788 e que tem por nome vulgar Albacora na língua inglesa.

Também é uma espécie que atende por Avoador, Atum albino, Atum-branco e Asinha, na Angola.

O último nome se dá pelo fato de que o peixe tem duas barbatanas peitorais longas.

Outros nomes vulgares seriam Carorocatá e Bandolim, que são usados em nosso país, bem como Peixe-maninha que é comum no Cabo Verde.

Em segundo lugar, temos a espécie Thunnus maccoyii, que foi catalogada no ano de 1872.

Sobre esta espécie de Peixe Atum, sabe-se que pode estar somente na parte sul de todos os oceanos, por esse motivo, seu nome vulgar é Atum-do-sul.

Além disso, devido o seu comprimento de 2,5 m, este seria um dos maiores peixes ósseos que não foi extinto.

Há também a espécie classificada em 1839 e nomeada por Thunnus obesus.

Dentre os diferenciais, este animal habita águas com temperaturas entre 13° e 29 °C, tal como tem um bom valor no mercado.

No Japão, por exemplo, o animal é usado na culinária como “sashimi”.

Thunnus orientalis seria a quarta espécie de 1844 e habita o Oceano Pacífico norte.

Esta não é uma espécie comum em nosso país, por isso, não há nomes vulgares em português, ainda que a pesca de atum da Califórnia tenha começado pelos portugueses.

E o que diferencia a espécie seria a sua postura de um dos principais predadores dos ecossistemas oceânicos.

Por fim, Thunnus thynnus seria uma espécie que está presente no Oceano Atlântico e foi classificada em 1758.

Sua carne também é muito usada na culinária japonesa e por esse motivo, a espécie é criada em instalações de aquacultura.

Peixe Atum pode representar mais de oito espécies que são muito relevantes para o comércio em todo o mundo.

Subgênero Thunnus (Neothunnus)

Já o segundo Subgênero de Peixe Atum é composto por 3 espécies, conheça:

Thunnus albacares é uma espécie que foi catalogada em 1788 e pode ter diferentes nomes vulgares:

Yellowfin, geralmente usado na língua inglesa, Atum-amarelo, Albacora-da-lage, Albacora-cachorra, Atum-oledê, Atum-de-galha-à-ré, Rabo-seco e Rabão.

Outras características importantes seriam o crescimento rápido e a expectativa de vida de 9 anos de idade.

A segunda espécie é Thunnus atlanticus de 1831, que habita o Oceano Atlântico ocidental e tem os seguintes nomes vulgares por conta de sua cor:

Atum-negro, Albacorinha, Albacora-preta e Atum-barbatana-negra.

E finalmente temos a Thunnus tonggol, classificada em 1851 e que tem vários nomes vulgares como, por exemplo:

Atum tongol, Atum-do-índico e Bonito-oriental.

Outras espécies consideradas Atum

Além das 8 espécies que citamos acima, existem outras que não pertencem ao gênero, mas sim à mesma família.

E devido suas características, estes indivíduos também são nomeados como “Peixe Atum”.

Dentre elas, cabe citar a existência da Katsuwonus pelamis, que tem grande valor comercial e é uma espécie que forma cardumes logo na superfície de regiões tropicais de todos os oceanos.

Portanto, dentre seus nomes vulgares, vale citar gaiado, barriga-listada, bonito-de-ventre-raiado, atum-bonito e atum judeu.

Inclusive, a espécie representa cerca de 40% do total das pescas mundiais de Atum.

E para encerrar, há a espécie Cybiosarda elegans que tem por nomes vulgares Atum-foguete e Atum-dente-de-cão.

Peixe Atum pode representar mais de oito espécies que são muito relevantes para o comércio em todo o mundo.

Características do peixe Atum

Bom, agora podemos mencionar as similaridades de todas as espécies de Peixe Atum:

De modo geral, os indivíduos têm um corpo fusiforme e alongado, assim como uma boca grande.

Há também duas barbatanas dorsais que são bem separadas e podem se ajustar a um sulco no dorso.

As barbatanas são seguidas por grupos de escamas que ficam na região ventral.

O Peixe Atum também apresenta uma barbatana caudal bifurcada e um pedúnculo com duas quilhas de queratina.

Reprodução do peixe Atum

Para a reprodução do Peixe Atum, as fêmeas geram uma grande quantidade de ovos planctônicos.

Esses ovos se desenvolvem em larvas pelágicas, porém os detalhes sobe a reprodução são poucos.

Alimentação

O Peixe Atum é um predador ativo e costuma nadar em cardumes para atacar suas presas.

O animal é tão determinado que pode caçar em áreas subpolares ou com a profundidade maior que 200 m.

Dessa forma, come os peixes de pequeno porte e as lulas.

Curiosidades

Uma das principais curiosidades sobre o Peixe Atum seria o seu sistema vascular.

Este sistema aumenta a temperatura do corpo do peixe e isso significa que ele é endotérmico.

Em outras palavras, o animal consegue controlar a temperatura de seu corpo e faz grandes migrações pelo oceano.

Assim, consegue nadar até 170 km diariamente.

Outro ponto curioso seria a conservação das espécies de Atum.

Graças à enorme demanda comercial, os pescadores passaram a fazer grandes pescas predatórias que ameaçam a vida das espécies.

Nesse sentido, há algumas organizações internacionais que têm por objetivo preservar os animais.

Portanto, alguns exemplos de organizações seriam a Conservação dos Atuns do Atlântico ou a Comissão Inter-Americana para os Atuns Tropicais.

Onde encontrar o peixe Atum

Como você pôde conferir logo no primeiro tópico, o habitat varia de acordo com a espécie.

Mas, no geral, os indivíduos vivem em regiões tropicais e subtropicais de todos os oceanos.

Dicas para pesca do peixe Atum

Para a captura do Peixe Atum, o pescador deve usar varas de ação média a pesada, assim como as linhas de 10 a 25 lbs.

Use uma carretilha ou molinete, porém o ideal é que o equipamento armazene 100 m de linha com 0,40 mm de diâmetro.

Por outro lado, use anzóis com números entre 3/0 e 8/0.

E com relação às iscas naturais, você pode optar pelas lulas ou peixes pequenos.

Já as iscas artificiais mais eficientes são as lulas e plugs de meia água.

Portanto, como dica final, lembre-se de que o Atum tem muita força e briga até cansar. Dessa forma, você precisa deixar o equipamento bem regulado.

Informações sobre o Peixe-atum no Wikipédia

Gostou das informações? Deixe seu comentário logo abaixo, ele é importante para nós!

Veja também: Anzol, veja como é fácil escolher o apropriado para pescaria

Acesse nossa Loja Virtual e confira as promoções!

Posts Relacionados

sem comentários

Hudson Tavares 28 de janeiro de 2021 at 23:59

Gostaria de saber se o Atum é peixe de escama ou de pele?

Resposta

Deixe um Comentário