Início » Paca: características, reprodução, alimentação, habitat e curiosidades

Paca: características, reprodução, alimentação, habitat e curiosidades

por Otávio Vieira

A Paca tem o nome vulgar de “Spotted Paca” na língua inglesa e representa uma espécie de roedor.

A pele dos indivíduos é dura e eles contam com variações de coloração que partem do vermelho até o cinza-escuro.

Também há algumas manchas claras na lateral do corpo e o animal tem um hábito noturno.

Entenda mais informações a seguir:

Classificação

  • Nome científico – Cuniculus paca;
  • Família – Cuniculidae.

Características da Paca

A Paca tem 4 dedos nas patas da frente e 5 nas traseiras, além de unhas afiadas.

Por esse motivo, o animal tem uma pegada característica que fica em beiras de lagos e rios, assim como em solos umedecidos.

Além disso, a cauda é pequena.

Os dentes são agudos, sendo que eles nunca param de crescer e fazem com que o animal tenha que os desgastar mordendo os troncos de eucalipto ou goiabeira.

Chega a uma velocidade grande quando está correndo porque tem muita força nas pernas, fôlego e agilidade.

O incrível fôlego também possibilita que os espécimes sejam ótimos nadadores, usando o nado para fugir de predadores.

Também é capaz de caminhar de noite tranquilamente porque a visão e a audição são boas.

Qual o tamanho da paca?

O comprimento máximo é de 70 cm, por isso, este é o segundo maior roedor do nosso país, perdendo somente para as capivaras.

O peso varia de 6 a 12 kg e alguns machos já pesaram até 15 kg.

Inclusive, é importante entender mais sobre o comportamento da espécie:

Os indivíduos sempre estão em alerta e quando vivem na mata, andam somente em rotas que eles mesmos fazem.

Estas rotas são características e levam as pacas até os principais pontos para a alimentação.

De outra forma, as rotas são usadas como fuga para os rios, lagos, esconderijos e tocas.

Portanto, elas trilham até 14 km por noite para achar comida e quando finalmente definem um bom local, elas são pontuais.

Ou seja, as pacas vão ao mesmo lugar e mesmo horário todos os dias para comer.

Reprodução da Paca

De outro modo, vale falar que a paca tem apenas uma gestação ao ano e em casos raros, nascem gêmeos.

Nesse sentido, há dois motivos principais que fazem com que a gestação ocorra somente uma vez por ano, sendo que o primeiro é um “espinho” peniano do macho.

Tal característica faz com que a fêmea não tenha interesse na cópula por machucá-la.

Outro motivo seria o cio que dura somente 5 dias depois do nascimento do filhote.

Neste período, a mãe está amamentando e não permite que os machos se aproximem.

Portanto, a gestação tem uma duração de 114 a 119 dias, o que se aproxima de 4 meses.

E quantos anos vive a paca?

Bom, a expectativa de vida seria de 16 anos.

paca - Cuniculus paca

Alimentação

A dieta da Paca inclui sementes, raízes, folhas e frutas.

Além disso, o animal é notívago, o que significa que ele prefere dormir durante o dia e é mais ativo de noite.

Como resultado, a caça é feita nos períodos noturnos, mas somente quando a noite está bem escura.

Assim, quando a lua está muito clara, o animal fica em sua toca por questões de segurança.

Assim, nas fases de lua crescente e nova, a espécie aguarda a lua se pôr para sair da toca.

Já nas fases de lua minguante e cheia, sai da toca e volta antes de a lua nascer.

E falando de forma específica, o animal come as frutas da estação quando vive na natureza como, por exemplo, o Coco-babão, Goiaba, Abacate, Manga, Banana e Mandioca.

Por isso, pode visitar as plantações de milho e as fruteiras de fazendas e sítios a fim de se alimentar.

De outra forma, a alimentação em cativeiro seria mais variada e rica porque inclui grande parte dos legumes, frutas, hortaliças, tubérculos e cereais.

Alguns experimentos também indicam que a espécie come ração de equinos.

Curiosidades

Podemos tratar como curiosidade a criação da Paca em algumas regiões.

Por exemplo, há criadouros em nosso país que contam somente com esta espécie.

Além disso, alguns criadouros são mistos com as espécies nativas como capivaras, emas, cutias e caititus.

Dessa forma, a criação da espécie pode ter objetivos diversos como as vendas do animal vivo e da carne.

Alguns também mantém os espécimes para a soltura na natureza, sendo que para cada finalidade, é necessário pagar uma taxa ao IBAMA.

Este órgão envia os engenheiros ambientais e fiscais para verificar se a estrutura para a criação é boa e apta para receber as pacas.

Onde é mais encontrado paca?

A espécie vive na América do Sul, desde as áreas da Bacia do Rio Orinoco, até o Paraguai.

Portanto, está em matas tropicais, em especial, próxima de riachos, rios e lagos.

É comum que os espécimes vivam em buracos naturais em locais com pedra ou no chão, sendo que sempre há saídas de emergência.

Estas saídas são usadas como rotas de fuga em casos de perigo.

Gostou das informações? Deixe seu comentário logo abaixo, ele é importante para nós!

Informações sobre a Paca no Wikipédia

Veja também: Tubarão Azul: Conheça as características tudo sobre sobre o Prionace Glauca

Acesse nossa Loja Virtual e confira as promoções!

Caixa de Comentários do Facebook

Você pode gostar

Deixe um comentário