Pesca Gerais

Explosão Azul em Três Marias – MG pescaria de Tucunaré Azul

Explosão Azul em Três Marias - MG - No Mar Doce de Minas os Tucunarés Azuis tomaram conta, confira a pescaria de Lester Scalon

Explosão Azul em Três Marias – MG | Eu sempre digo que o sonho de capturar grandes peixes está sempre na mente dos apaixonados pela pesca. Aliás, dizer ao contrário, para mim, é conversa fiada. Certamente a emoção de ter nos braços um grande exemplar é insubstituível na pesca. Quando um gigante azul “bate” em nossa isca de superfície, esparramando água para todos os lados, bate também em nosso coração, esparramando da mesma forma adrenalina e emoção.

Agora, capturar o grande Tucunaré-Azul dos seus sonhos tem mais um point, que pode estar pertinho de você. Eles chegaram para valer ao Lago de Três Marias, localizado bem no coração de Minas Gerais.

Introduzidos ali há pouco tempo, as primeiras notícias de capturas de azuis são de três anos atrás, já que no lago só existiam os Tucunarés-Amarelos. No torneio de setembro de 2008, nenhum exemplar foi capturado, mas eles já haviam aparecido em Morada Nova de Minas, localidade mais perto da cabeceira do lago.

Exatamente três anos depois, os azuis chegaram a todos os cantos. A invasão desse peixe no lago é de impressionar, pela rapidez com que tomaram conta, pela quantidade e pelo tamanho dos exemplares. Com uma área alagada de 1.040 km², o “Mar de Minas” se tornou o novo lar dos azulões, que se adaptaram de modo espetacular em suas águas.

Explosão Azul em Três Marias - MG - No Mar Doce de Minas os Tucunarés Azuis tomaram conta, confira a pescaria de Lester Scalon
Pescador Esportivo Lester Scalon com um belo Tucunaré Azul capturado no Lago de Três Marias – MG

O potencial da Pesca Esportiva no Lago Três Marias – Explosão Azul em Três Marias

Se for bem administrado, ele se tornará uma “Meca” da espécie. Mas com diz o velho ditado mineiro: “cavalo arreado não passa duas vezes na nossa frente”. Cabe agora a decisão de Três Marias: ou monta nesse cavalo ou perde a oportunidade.

Vale lembrar que esse lago é reduto de mais 1.500 pescadores profissionais que há muito tempo infringem as leis para conseguir tirar peixes do São Francisco. Lá, como na grande maioria dos rios, não existe espaço para o extrativismo e os pescadores estão acabando com o pouco que resta em nossas águas. Eles têm consciência da realidade, mas relutam em aceitá-la.

O maior exemplo é a família de seu “Norberto” que morou na beira do rio praticamente a vida toda praticando o extrativismo. Agora, praticamente abandonou essa atividade e explora o turismo de pesca com o pouco peixe que ainda resta no rio. Cabe agora a Três Marias tomar a decisão, como fizeram outros locais. Luiz Alves, no Estado de Goiás, por exemplo, de maior pólo extrativista do Estado se tornou um dos maiores pólos de turismo de pesca esportiva do País.

Explosão Azul em Três Marias - MG - No Mar Doce de Minas os Tucunarés Azuis tomaram conta, confira a pescaria de Lester Scalon

Três Marias e Torneio Nacional na Revista Pesca & Cia – Jan/12 – ed. nº205

Na véspera do 2º Torneio Nacional de Pesca Esportiva Lago Três Marias fui realizar uma pescaria no grande “Mar Doce de Minas”. Foram dois dias na companhia do guia Edimar. No primeiro dia saímos sozinhos; muito vento e pouco peixe. Mas amigos estavam pescando dois dias antes já tinha arrumado belas “encrencas” com os azulões do grande lago, mas neste dia também foi fraca a pescaria. Isso me deixou animado, pois falavam em peixes esporádicos, mas de muitos azulões. – Explosão Azul em Três Marias

No dia seguinte o amigo Zezinho Vet se juntou a nós, e com o sol saindo partimos para nossa pescaria. Numa manhã de lago espelhado, os tucunarés não nos decepcionaram. Muita ação e muito peixe, mas o meu azulão do Lago de Três Marias não deu nem sinal. Quando me refiro a um azulão, não é um qualquer, eu estava ambicioso, meu peixe tinha que encher os olhos e emocionar.

O primeiro grande exemplar bateu na isca do Zezinho, um belo tucunaré-azul que não estava sozinho. Com calma fizemos as imagens e partimos na captura do outro. O trabalho da Tati Jump da Sumax estava irresistível. Ele errou o primeiro ataque, o segundo, e no terceiro jogou minha isca fora d´água, e partiu certeiro para o engodo do Zezinho, que estava passando ao lado dando um show de saltos e acrobacias. Tudo isso acontecendo na rasura e diante de nossos olhos. O fato de deixar o pescador interagir com o peixe visualmente torna a pesca com iscas de superfície imbatível.

Variação do nível do Lago de Três Marias

O lago varia muito de nível e não possui muita estrutura de galhadas, mas em algumas baías tem belas pedreiras. Neste sobe-e-desce nasce muita vegetação na beira do lago, principalmente maliceiros no fundo das baías, formando boas estruturas para os peixes, que ficam bem enfiados nelas. Administrar a pescaria nesses locais coloca as habilidades dos pescadores a toda prova, á que é fácil a isca ficar nos galhos e o peixe fisgado se enroscar e escapar.

A consanguinidade dos tucunarés se mostra claramente em alguns exemplares com listras disformes e ocelos a mais e fora do lugar. Sinal de que a introdução deve ter sido de um pequeno número de exemplares. Mas isso não impediu seu crescimento rápido e em grande quantidade, indicando que o lago oferece um habitat muito propício para os azulões.

Voltando à nossa pescaria, mais alguns belos peixes capturados, só que o azulão que procurava ainda estava por vir. No final de uma grota descemos do barco e fomos andando pelo barranco, visitando locais impossíveis de navegar. Encontramos belos cardumes em canais estreitos em meio a umas galhadas e maliceiros. Estavam ali long do alcance de nossas iscas. Sem nada a fazer, capturamos um grilo e jogamos na água. A bocada veio certeira, e bem que pode ser em uma de nossas iscas.

Explosão Azul em Três Marias - MG - No Mar Doce de Minas os Tucunarés Azuis tomaram conta, confira a pescaria de Lester Scalon

Grande momento – Explosão Azul em Três Marias

O sol começava a descer quando o estouro na minha isca de superfície denuncio o grande peixe. E, como sempre nestas situações, o suste é a adrenalina no sangue nos dão emoções que somente passando por elas é possível ter a sua exata noção. Enfim, meu primeiro grande azulão de Três Marias estava na linha. Sorte que estava num local mais aberto em meio aos maliceiros, o que me dava um chance maior de colocar a mão em meu “oponente”. Oportunidade que não perdi.

Todos os grandes peixes me trazer emoção e este não poderia ser diferente. Ter nas mãos mais um grande azulão, e o primeiro deste lago, com certeza vai ser eternizado em minha memória, para ser lembrado quando nos reunirmos para contar nossas histórias de pescarias. E como sou um apaixonado por “por-do-sol”, ele não decepcionou, encerrando com chave de ouro nossa aventura no “Mar Doce de Minas”.

2º Torneio Nacional de Pesca Esportiva Lago de Três Marias

O segundo evento foi um sucesso, com 32 barcos na água numa região onde a pesca profissional e a matança de peixes são parte da cultura local. Três Marias sempre me acolheu com um carinho imenso, e lá fiz belas amizades. A chegada do Tucunaré-Azul tem que ser vista com muito carinho pela cidade, pois, se preservados, podem tornar o local uma nova “Meca” da pesca.

O município parece que está acordando para as vantagens do turismo de pesca esportiva. Fábrica de barcos como a Morada Náutica da empresária Helen apoiando o evento, o apoio da Votorantim Metais, o Náutico Clube agora também apoiando, são sinais comprovadores de que os ventos podem mudar de rumo em Três Marias.

Nesta minha idas a Três Marias tenho tido espaço e uma receptividade muito grande para divulgar a pesca esportiva. Aos amigos Elias (secretário de turismo), José Maria da TV3, Willian Dornas do Náutico Clube, a Vera do Hotel Náutico, meu muito obrigado pelo apoio e pelo carinho.

Este ano o evento teve participantes de vários locais do País, sendo que o mais distante foi o amigo Jorge, da Fibralar, que veio da cidade de Medianeira, no Paraná, distante quase 2.000 km.

O torneio foi um sucesso, com muito peixe e pescadores importantes e formadores de opinião participando. Vale lembrar mais uma vez que é primordial o apoio dos amigos pescadores para que eventos como este tenham o sucesso que estão tendo. – Explosão Azul em Três Marias

Premiação inédita durante o cerimonial

A premiação este ano teve um diferencial: o maior tucunaré do evento com 56 cm capturado pelo pescador André Augusto. Foi exibido vivo nas mãos do pescador durante a premiação e depois devolvido ao lago, fato que com certeza mexeu com a consciência de quem estava presente. Os grandes vencedores foram Dinei Cordeiro, Alyson Marco e Ercy da Equipe Tapirapê.

Enfim, gostou do post? Deixe seu comentário logo abaixo, ele é importante para nós.

Veja também: Pescaria de Tucunaré em Morada Nova de Minas – Lago Três Marias – MG

Se liga nas dicas de como capturar o Tucunaré Azul: Tucunaré Azul: Informações e dicas de como pescar esse peixe

Lester Scalon, muito obrigado por tudo que você faz pela Pesca Esportiva, principalmente por mim e para o Lago de Três Marias.

Matéria da Revista Pesca & Companhia – edição 205 – janeiro/2012

materia_revista_pesca_e_companhia_lago_de_tres_marias_pesca_gerais (1)

materia_revista_pesca_e_companhia_lago_de_tres_marias_pesca_gerais (2)

materia_revista_pesca_e_companhia_lago_de_tres_marias_pesca_gerais (3)

materia_revista_pesca_e_companhia_lago_de_tres_marias_pesca_gerais (4)

materia_revista_pesca_e_companhia_lago_de_tres_marias_pesca_gerais (5)

materia_revista_pesca_e_companhia_lago_de_tres_marias_pesca_gerais (6)

materia_revista_pesca_e_companhia_lago_de_tres_marias_pesca_gerais (7)

materia_revista_pesca_e_companhia_lago_de_tres_marias_pesca_gerais (8)

Posts Relacionados

Deixe um Comentário