Pesca Gerais

Chinchila: tudo que é preciso para cuidar deste bichinho de estimação

A Chinchila é natural das áreas frias e montanhosas do Chile, sendo que é um animal muito carinhoso, sociável, agitado e inteligente.

Como um pet de estimação, também é apegado ao seu tutor e interativo.

Portanto, aos que pretendem ter o pet, é importante conhecer particularidades que devem ser levadas em consideração no cuidado diário, vamos entender mais a seguir:

Classificação:

  • Nome científico – Chinchilla;
  • Família – Chinchillidae.

Informações sobre a Chinchila e características

Descoberto no século XVI, este animal era caçado por conta da pele.

Dessa forma, no início do século XX os indivíduos em natureza se tornaram raros.

No ano de 1923 o biólogo Mathias Chapman levou os últimos 11 indivíduos para os EUA, sendo que a sua descendência salvou a espécie da extinção.

A partir dos anos 60, o animal tornou-se popular.

Por isso, Chinchila é um nome vulgar que representa mamíferos roedores naturais dos Andes da América do Sul

A pelagem seria cerca de 30 vezes mais suave que o cabelo humano, além de ser densa, com 20,000 pelos por centímetro quadrado.

Devido a esta densidade capilar, as pulgas não sobrevivem em sua pelagem e o pelo não pode ser molhado.

Esta é uma espécie ativa, precisando fazer exercícios diariamente.

E tendo em vista o seu espírito aventureiro, o pequeno roedor ama observar e explorar.

Por ser sociável, a vida solitária não é boa.

chinchila

O que a Chinchila pode comer?

Há uma ração específica para a espécie e que deve ser dada, pois inclui todos os minerais e vitaminas necessários.

Além disso, as frutas, legumes e vegetais como o brócolis, aveia em grão, maçã, cenoura, couve, tomate e o feno, podem ser incluídos na dieta.

A maioria dos especialistas afirma que é necessário dar sempre pequenas quantidades.

Outros exemplo de alimento são:

Uvas passas, sementes de girassol, oleaginosas como avelãs, nozes e amêndoas.

Mas, este tipo de alimento pode ser dado somente 2 vezes por semana.

Por fim, a alfafa ajuda no trânsito intestinal desses bichinhos e no desgaste dos dentes, por isso, note a grande variedade de alimentos.

É permitido criar Chinchila?

O habitat da espécie é diferente do que estamos acostumados em nosso país, mas assim como o hamster, coelho e porquinho-da-índia, este é um animal doméstico conforme o Ibama, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis.

Portanto, a criação é legal.

Vale destacar que a autorização do Ibama para criação e venda é feita com a loja, ou seja, o tutor não deve se preocupar com registro junto ao órgão responsável.

Apesar disso, no momento da compra, exija que o vendedor tenha este documento, visto que a compra legalizada ajuda a acabar com os maus-tratos e o tráfico de animais.

criança com uma chinchila

No entanto, qual o valor de uma Chinchila?

O valor depende do local em que você pretende comprar, além do sexo e a cor do bichinho.

Porém, é possível comprar por R $500 a R $800, sendo que os pets são vendidos a partir dos 2 meses de vida, momento em que não dependem da mãe e comem sozinhos.

É um bom pet para crianças?

Por outro lado, saiba que a espécie pode morder caso sinta-se assustada.

Aliás, o pelo faz com que este roedor aparente ser grande, embora tenha somente 500 gramas, sendo sensível e muito frágil.

Nesse sentido, é fundamental que o exemplar seja manuseado por uma criança mais velha ou um adulto.

chinchilla

Principais cuidados

Para os roedores, quanto maior for a gaiola, melhor será a qualidade de vida do pet.

Dessa forma, na hora em que for comprar, priorize os modelos maiores de gaiola, além de definir um bom local para colocar o bichinho (uma área tranquila, silenciosa e com temperaturas amenas).

Em contrapartida, você deve ter atenção aos dentes do seu pet.

Assim como ocorre com os demais roedores, o dente da Chinchila cresce ao decorrer de sua vida, algo ótimo, já que ela morde e rói objetos para desgastar seus dentinhos.

No entanto, se o animal não tem o que roer, os dentes crescem muito e isso causa problemas graves de saúde como, por exemplo, as lesões e má-oclusão.

Para evitar estes problemas, compre os brinquedinhos específicos para chinchilas que também estimulam o funcionamento do intestino.

Outra forma de cuidado com o pet é a interação.

Ao menos uma vez por dia, tire o bichinho da gaiola e brinque!

Para os momentos em que ficará confinado, o animal também precisa de distrações como as prateleiras e grades que permitem o salto e a escalada.

Aliás, invista na famosa roda de roedores.

Por fim, saiba que a espécie tem uma das maiores expectativas de vida entre os roedores domésticos, vivendo até 20 anos.

Mas, para que o seu pet lhe acompanhe durante muito tempo, você precisa garantir a sua saúde levando-o ao veterinário regularmente.

chinchilla

Higiene sem água

A Chinchila é um pet muito limpo, por isso, fica estressada quando está em ambientes sujos.

Dessa forma, a limpeza da gaiola deve ser diária, removendo qualquer resíduo, tal como a lavagem deve ser feita 1 vez por semana (deixe a gaiola secar completamente).

Com relação ao banho, saiba que é muito importante para o roedor, porém você jamais deve colocá-lo na água.

A pele tem origem desértica, não aceitando bem a umidade e fazendo com que os pelos não sequem.

Como resultado, o bichinho que é exposto à água pode desenvolver várias doenças de pele, causadas pela proliferação de fungos.

De acordo com Pablo Pezoa, especialista em animais silvestres e não convencionais, “o banho retira uma barreira natural que eles têm contra agentes patogênicos, deixando-os mais expostos a doenças de pele”.

No geral, você pode dar banho seco com o uso de carbonato de cálcio, no máximo 3 vezes por semana, a fim de remover sujeiras e a oleosidade.

A técnica é muito simples, basta que você despeje o pó de banho seco em um recipiente e coloque-o dentro da gaiola.

O pet irá rolar no pó de banho e você deverá remover o recipiente para que a Chinchila não defeque nele.

Gostou das informações? Deixe seu comentário logo abaixo, ele é muito importante!

Informações sobre a Chinchila no Wikipédia

Veja também: Furão: característica, alimentação, reprodução o que preciso para ter um?

Acesse nossa Loja Virtual e confira as promoções!

Posts Relacionados

Deixe um Comentário